segunda-feira, 7 de março de 2011

Reflexo da alma

Se olhe hoje em frente ao espelho. O que você vê? Amanhã, ao acordar, olhe-se novamente. O que você vê?
Algo no seu reflexo estará diferente. Seu rosto estará diferente de um dia para o outro, seu corpo estará diferente. Um dia menos inchado, outro dia mais. Um dia maltratado pelo mau humor ou pela ressaca, outro dia mais saudável pelo bom humor. No entanto, há algo no seu reflexo que não muda; olhe novamente e perceberá.
Sua alma não muda, você pode vê-la através do seu olhar. Seu olhar todos os dias de manhã terá o mesmo reflexo e só mudará com os anos, com as feridas e curas da alma, mas serão mudanças sutis. Seu olhar sempre refletirá sua essência.
Não há nenhum olhar igual ao outro porque não há nenhuma alma igual à outra. Almas são como impressões digitais, cada um tem uma completamente diferente da outra e justamente por serem tão diferentes, só existe uma alma que completará perfeitamente a sua.
Existe uma alma que não é igual à sua, mas que preenche todas as falhas da sua impressão digital perfeitamente. Mesmo que se encontre almas que quase te completam durante a vida, elas te ferirão nos lugares onde não completam, até encontrar a certa. A alma que te passará calma desde o primeiro contato, pois quando entra em
contato com a sua, preenche todos os buracos que as outras almas causaram na sua. Uma alma que se encaixa tão perfeitamente na sua que não se sabe mais se são duas almas ou uma só. E quando te perguntarem o que é amor, você saberá que é quando uma alma se une à sua com um simples contato, sem nenhuma explicação.

Um comentário:

  1. Sendo sincera, esse foi um dos textos mais lindos que já li!

    ResponderExcluir